Como escolher um alarme para seu carro?

Publicado em 10/03/2017 às 09h36

Como escolher um alarme para seu carro ?

 

Melhor alarme automotivo do mercado: o básico

Enquanto mesmo o melhor alarme no mundo não pode parar todos os roubos, equipar seu veículo com um alarme vai torná-lo um alvo menos atraente para muitos ladrões. Há quatro fatores principais que podem ajudá-lo a resolver sobre o melhor alarme de carro para seu veículo. Alguns desses fatores são mais importantes do que outros, mas é importante levá-los em conta. Antes de comprar um alarme de carro, considere:

Sensores: os melhores alarmes de carro vem com uma variedade de sensores que são capazes de detectar um roubo em andamento através de uma variedade de meios.

Sirenes outro componente principal que um bom alarme precisa incluir é um dispositivo de ruídos, como uma sirene alta, acionada quando alguém tenta roubar o veículo.

Documentação: bons manuais de instalação, seja no pacote, ou online, são absolutamente vitais se você está pensando em comprar e instalar seu próprio alarme de carro.

 

Qual o melhor alarme automotivo: os sensores

Como os sistemas de segurança do carro dependem de uma variedade de sensores para detectar a presença de um ladrão, este é o fator mais importante a considerar. Os alarmes de carro básicos vem apenas com sensores de porta, mas sistemas mais caros podem ser muito mais complexos. Alguns dos sensores mais comuns incluem:

Sensores de porta: ativam o alarme quando um ladrão tenta abrir a porta.

Sensores de movimento: ativam o alarme quando o veículo é batido ou movimentado.

Detectores de janelas quebradas: ativam o alarme quando uma janela é quebrada através de um microfone que detecta quebra de vidro, ou um sensor de pressão para detectar a mudança na pressão resultante da quebra da janela ou vidro.

Sensores de movimento: ativa o alarme ou emite um aviso sonoro quando o movimento for detectado próximo ao veículo.

Se você está com um orçamento apertado, um alarme básico que só tem sensores de porta é melhor do que nada. No entanto, é muito fácil para os ladrões contornar esses sistemas ao apenas quebrar uma janela. Se você quiser evitar isso, você precisará de um sistema que inclua um microfone ou sensor de pressão. Sensores de movimento também podem ser úteis, uma vez que irão disparar o alarme se um ladrão movimenta seu veículo para trás e para frente ou de um lado para o outro.

Sensores de movimento são úteis se você tiver um conversível, uma vez que permitem que você deixe o teto baixo. Estes sensores são difíceis de calibrar adequadamente, e qualquer movimento dentro ou perto do veículo fará com que o alarme dispare. Isso significa que um vento forte e algumas folhas muitas vezes desencadeia um falso positivo, o que não vai fazer você muito popular com os vizinhos.

Sirenes de alarmes automotivos

Depois que você decidir sobre os sensores que você precisa, você pode começar a pensar sobre a sirene. O objetivo principal da sirene é chamar a atenção para o seu veículo, o que pode fazer o ladrão abandonar a tentativa em favor de alvos mais fáceis. No entanto, a própria sirene também pode dissuadir o ladrão de entrar em seu veículo ou afastá-lo. Algumas sirenes são projetadas para ser montadas dentro da cabine do veículo, caso em que elas podem gerar um nível de som que é realmente doloroso para o ladrão.

 

Fonte www.carrodegaragem.com 

Enviar comentário

voltar para Noticias

left show tsN fwR uppercase b01n bsd|left tsN fwR uppercase b01ns bsd|show fwR uppercase b01ns bsd center|bnull|||login news uppercase b01 bsd|fsN fwR uppercase b01 bsd|b01 c05 bsd|login news fwR uppercase b01 bsd|tsN fwR uppercase b01 bsd|fwR uppercase bsd b01|content-inner||